BIOINFORME

Potássio

Presente em grandes concentrações no espaço intracelular, o potássio tem grande importância na manutenção do equilíbrio eletrolítico transmembrana celular. As variações em suas concentrações prejudicam a capacidade de contração muscular, tanto da musculatura lisa quanto da estriada. Níveis abaixo de 3mEq/L são associados a sintomas neuromusculares. Pacientes hipertensos e com níveis de potássio abaixo de 3mEq/L sem uso de diuréticos devem ser investigados para hiperaldosteronismo primário, que tem como principal causa o adenoma de supra-renal (síndrome de Conn).

Alterações eletrocardiográficas e sintomas neuromusculares também são encontrados na hiperpotassemia (níveis acima de 6mEq/L). Patologias que cursam com hiperplaquetemia, por liberação do potássio intraplaquetário, também podem apresentar hiperpotassemia artificial. A presença de hemólise na amostra coletada aumenta sensivelmente o nível de potássio. Inúmeras drogas interferem sobre o potássio, aumentando ou diminuindo os seus níveis.

MÉTODO: Potenciométrico.

AMOSTRA: Sangue (tubo sem anticoagulante) ou urina de 24 horas (frasco sem conservante).